Aqueles que viveram os criativos e turbulentos anos 60 do século passado certamente se lembrarão de Mama Cass, a preciosa voz que preencheu o grupo vocal Mamas & Papas.

mama-cass

Mama Cass, Mama Cass Elliot ou Cass Elliot, é na realidade o nome artístico de Ellen Naomi Cohen (19/09/1941-29/07/1974), que foi uma cantora norte americana que antes de integrar a famosa banda, fez parte de bandas menos expressivas como a “The Big 3” (1963 a 1964)  e a “The Mugwumps” (1964).  Ela adotou o nome “Cass Elliot” em homenagem a uma artista que apreciava chamada Peggy Cass e em homenagem a um amigo de grande estima chamado Elliot que tinha falecido.

Considerada uma das vozes mais bonitas da era do flower power”, movimento intenso daqueles anos 60, Mama Cass Elliot foi um exemplo explícito de que naqueles anos nem tudo era paz e amor.

Se o que aconteceu com ela tivesse o cenário dos dias atuais ela seria uma autêntica vítima do que hoje é chamado de “bullying”

Mama Cass Elliot sempre pagou um alto preço para fazer valer seu talento. Sendo sempre alvo de piadas de mau gosto, já que ela fugia do padrão de beleza da época para ser astro pop/rock, ou seja, ela era gorda. Além disto já tinha sido “usada” num casamento duvidoso, pois casou-se com um integrante da The Big3 (Jim Hendricks) para livrá-lo da guerra do Vietnã, uma das práticas usadas na época para fugir da guerra. Pouco tempo depois o casamento seria anulado.

Dois anos depois deste episódio com Hendricks já em Nova York, ela aceitou um convite do canadense Danny Doherty para participar de uma nova banda, que era um quarteto vocal que se chamaria “The New Journeymen”, do qual, além deles dois, participariam o casal John  e Michelle Phillips.  John que não conhecia Cass, e ao serem apresentados ele se manifestou totalmente contra sua participação no quarteto, por ser gorda. Mais uma vez a discriminação atormentava.

Mas com a insistência dos outros integrantes e impressionado com a voz e pelo bom humor de Cass, apesar de tudo, John Phillips acabou cedendo e desta união nasceria então o famoso “The Mamas & the Papas”, um dos poucos grupos norte-americanos a enfrentar de igual para igual a tão famosa invasão britânica do rock/pop (Beatles, Stones, Who, Kings, Status Quo, etc.) ocorrida naqueles anos.

A ideia de batizar a banda de Mamas & Papas partiu de Cass e Michelle, depois de ambas terem visto um integrante dos Hell’s Angels afirmar numa entrevista que as mulheres da gang eram chamadas de mamas. Curiosamente, os amigos mais próximos diziam que Cass odiava ser chamada de Mama Cass.

Mas com os harmoniosos vocais de John, Danny, Michelle e Cass o sucesso internacional surgiu de forma arrebatadora com belíssimas canções como California Dreaming, Monday, MondayI Saw Her Again, Dedicated to the One I Love, Twelve Thirty entre outras. Apesar da fama, o grupo teve uma existência curta e tumultuada, acabando em 1968, ou seja, durou apenas 3 anos.


 

Os clássicos “California Dreamin´e Monday Monday” com a presença marcante de Mama Cass Elliot. John Phillips o líder da banda foi criticamente discriminador antes de aceitar a célebre vocalista no grupo, achando-a gorda…


Mas já em 1967, após uma discussão com John Phillips, Mama Cass Elliot abandonou o grupo e por uma exigência contratual uniu-se a ele novamente para gravação do último álbum. Este seria o quarto álbum da banda que atingiu um décimo quinto lugar nas paradas no qual constava a canção “Dream a Little Dream of Me”, que foi creditado como sendo gravado por Mama Cass with The Mamas and The Papas e claro era cantada apenas por ela.

Se o The Mamas & The Papas projetava o otimismo californiano e foi uma das bandas de maior sucesso no mundo o quarteto também projetava uma imagem de “hippies bonzinhos”, mas a estabilidade interna era minada por recriminações e competição. Por isto Mama Cass Elliot saiu do grupo e procurou seguir carreira solo.

Já sem a existência dos Mamas & Papas Cass saiu em carreira solo com “Dream a Little Dream of  Me”, que ela já tinha gravado com o The Mamas na The Papas, que acabou se tornando um hit mundial. Mas com carreira solo sem a companhia dos antigos integrantes teve alguns tropeços, mas logo se recuperou e se tornou um dos rostos mas presentes na mídia norte americana naquele período.

Tudo parecia ir bem e um cenário futuro parecia brilhante. Ainda teve sucesso com “Make Your Own Kind of Music” e “It’s Getting Better”.

Cass conseguiu manter uma carreira solo com bastante sucesso, lançando nove álbuns. Fez também duetos com vários cantores e cantoras solos em sua carreira.


 

Mama Cass já em carreira solo mostrando sua voz em “Dream a Little Dream of  Me” e “Make Your Own Kind of Music”, dois de seus clássicos de sucesso.


Mas em 1974, após cumprir uma temporada de grande sucesso no London Palladium,  ela telefonou para Michelle Phillips (sua antiga companheira do Mamas & Papas) para contar que fora ovacionada todos os dias. Depois que desligou o telefone e foi dormir e teve um ataque cardíaco fatal.

Aliás o apartamento onde Cass Elliot foi achada morta virou um local meio macabro, pois alí morreria outro famoso, em 1978, Keith Moon, baterista do The Who, que partiu após a uma overdose de remédios.

Além da turbulenta vida de artista de sucesso ainda ocorreria um fato pitoresco e curioso com sua morte, ou seja, nem após ter morrido seu nome repousou em pleno sossego, pois apesar da causa de sua morte ter sido uma ataque cardíaco fatal enquanto dormia, um sanduíche de presunto parcialmente comido ao lado de sua cama levou uma série de tablóides a noticiar que tinha engasgado e sufocado até a morte causado pelo sanduíche.

Mesmo após a autópsia confirmar que a causa da morte em nada tinha haver com o sanduiche, o “boato falso” nutrido pelo noticiário de escândalos e polêmicas, acabou se tornando uma lenda persistente, e até hoje há pessoas que acreditam que de fato ela morreu por causa do sanduiche de presunto. Mas ao que tudo indica o simplório sanduiche era inocente.

Cantora jovem que faleceu com 32 anos, deixou um legado de sucessos e uma legião de fãs, que adoravam sua poderosa voz em canções suaves. Influenciou muitos artistas que se seguiram e algumas de suas canções foram até utilizadas em seriados e filmes. Embora falar de Mama Cass Elliot sempre temos associado o nome do grande Mamas & Papas, Mama Cass foi um nome que tem seu registro a parte no mundo pop, sendo que em 1998, ela foi reconhecida no “Rock and Roll Hall of Fame”. E há quem afirme que Adele é a reencarnação musical de Mama Cass…

 

Site oficial

Cass Elliot

 


mamacass

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • Google Plus