Tommy James, tem em seu currículo uma típica história de músicos dos anos 60. Com nome original de Thomas Gregory Jackson, nascido em Dayton, Ohio no dia 29 de Abril de 1947, é um desses músicos completos pois além de cantor é músico, letrista e produtor musical nos Estados Unidos.

Aqueles que estavam na adolescência nos anos 60 e 70, certamente se lembrarão de suas canções que apareciam nas paradas famosas e nas festas ou “baladas” como se diz na atualidade.

Após sua banda The Shondells (anteriormente The Tornadoes) ser formada em 1963, conseguiram gravar seu primeiro compacto na Snap Records, um selo criado por um DJ local, com a música “Hanky Pank” famosa dupla de compositores Jeff Barry e Ellie Greenwich.


Primeiro sucesso: “Hanky Pank”


A canção foi um sucesso, porém apenas localmente pois a Snap Records era uma pequena gravadora, que se limitada por promover as bandas locais. Por conta disto a banda se separou, quando em 1965 um “dance promoter”, Bob Mack, achou uma cópia da canção e começou a tocá-la nos clubes de Pittsburgh, se tornando um sucesso. Como muitos gostariam de ter uma cópia da musica, já naqueles anos, um pirata local resolveu produzir as famosas cópias “bootleg”, nas época em fitas cassetes. A ação rendeu a venda de 80.000 cópias da canção.

O promoter conseguiu localizar Tommy James, que dentro de pouco tempo já estava em Nova York vendendo a matriz original de “Hanky Panky” para a gravadora Roulette Records.

E então a canção escolhido e pirateada foi o compacto mais vendido no final do verão de 1966.

Mas desde quando chegou Pittsburgh, não havia uma banda já que os The Shoundells iniciais se separaram, o que o obrigou a compor uma nova banda que a substituísse. Foi então que achou uma de nome “The Raconteurs” , que acabou se tornando os novos Shondells. Chegaram a gravar “Say I Am (What I Am)”, mas não passou do 21º colocado nas paradas, não repetindo o sucesso de “Hanky Pank”.

Foi então que a Roulette contratou os letristas Richie Cordell e Bo Gentry ajudar na composição de novas canções para a então mais nova Tommy James & The Shondells.


Um outro grande sucesso “Mony Mony”


E foi a medida certa, pois entre os anos de 1967 a 1969, o grupo emplacou sucessos históricos pelo sela da Roulette, das quais cinco que chegaram às dez primeiras posições: “I Think We’re Alone Now”, “Mirage”, “Mony Mony”, “Crimson and Clover” (atingiu a primeira posição nos EUA), “Sweet Cherry Wine”, e “Crystal Blue Persuasion”.


O maior e mais conhecido sucesso “Crimson And Clover”


Apesar do sucesso a banda se separou em definitivo em 1970, não sem antes recusarem um convite para tocar no festival de Woodstock, alertados pelo seu empresário, que achou que seria um suicídio para a carreira da banda. Será mesmo ?

Mas Tommy James seguiu à frente com a carreira solo, mas suas interpretações lhe renderam 23 compactos de ouro, 9 discos de ouro e platina e a venda de mais de 100 milhões de discos no mundo todo. Além disto as clássicas composições de sucesso viriam a participar de seriados e filmes como Austin Powers, We Are Marshall, The Italian Job, Cape Fear, and Forrest Gump to Almost Human, Fringe, In Plain Sight, Boston Legal, Life On Mars, My Name Is Earl, Men of a Certain Age and Criminal Minds.

Especificamente a canção “Crystal Blue Persuasion” teve centenas de regravações e apresentações ao vivo por outras grandes nomes da música, como Bruce Springsteen, Kelly Clarkson, Prince, Dolly Parton, Santana, R.E.M., Joan Jett & The Blackhearts, Billy Idol, Tom Jones, The Killers e muitos outros cantores e bandas de rock.

Sua discografia:

Como Tommy James & the Shondells:

  • 1966 “Hanky Panky”
  • 1966 “It’s Only Love”
  • 1967 “I Think We’re Alone Now”
  • 1967 “Gettin’ Together”
  • 1967 “Something Special!”
  • 1968 “Mony Mony”
  • 1969 “Crimson & Clover”
  • 1969 “Cellophane Symphony”
  • 1969 Best of TJ&S
  • 1970 “Travelin'”
  • 1988 TJ&S: Anthology
  • 1997 Greatest Hits Live!
  • 2004 “I Love Christmas” (CD single)

E como solo, Tommy James:

  • 1970 Tommy James
  • 1971 Christian of the World
  • 1972 My Head, My Bed & My Red Guitar
  • 1976 In Touch
  • 1977 Midnight Rider
  • 1980 Three Times in Love
  • 1989 Tommy James – The Solo Years
  • 1990 Hi-Fi
  • 1993 Discography: Deals and Demos
  • 1996 A Night in Big City
  • 2005 Sweet Cherry Wine (CD single)
  • 2005 “Isn’t that the Guy” (CD single)
  • 2006 “Lupe & Joe” (MP3 single)
  • 2006 “Love Words” (CD Single)
  • 2006 “Hold the Fire”

Ele continua em atividade e foi um dos que ajudaram a marcar musicalmente aqueles bons anos 60 e 70.

Veja também:


TommyJames

 

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • Google Plus